Quer saber qual é o segredo de uma boa redação?  
como-fazer-uma-redacao-00

Você já esteve diante de um tema de redação, em uma prova, e não soube como o desenvolver?

Nessas horas, saber como fazer uma redação usando o tempo e o espaço torna-se um diferencial competitivo muito grande.

Porque é como se ver cercado por inimigos na beira de um despenhadeiro em plena guerra e lembrar-se de que tem um paraquedas.

E saber não apenas colocar o paraquedas, mas também usar o equipamento vai fazer toda a diferença entre morrer ou continuar vivo na disputa.

Neste artigo, você verá como criar as condições para trabalhar usando o tempo e o espaço e como efetivamente desenvolver bons argumentos com base nessa técnica.

Preparado para pular? Fique tranquilo, vou saltar com você!

Por que usar e como funciona o desenvolvimento por tempo e espaço?

como-fazer-uma-redacao-01

Desenvolver argumentos usando o tempo e o espaço é estabelecer uma comparação entre passado e presente e entre uma região e outra respectivamente.

Por que usar esses recursos?

Você pode não ter, em dado momento, nenhuma outra ideia de como argumentar sobre determinado assunto.

Mas, se conhecer alguns fatos do passado ou de algumas regiões distintas, pode usar esse conhecimento a seu favor como um paraquedas para livrá-lo do inimigo que o encurrala.

É fácil trabalhar com essa técnica porque a sua argumentação vai ser toda em função de mostrar, de forma prática, uma determinada situação ao invés de somente debater sobre ela.

E como funciona?

Bem, é possível desenvolver seus argumentos de muitas maneiras; o que determina a forma, em geral, é o assunto e o que você quer provar.

Mas para discorrer usando o tempo e o espaço como forma de argumentar, é necessário direcionar a sua defesa para aspectos temporais ou espaciais.

Deixe-me explicar melhor. Na hora de formular a sua tese, você vai incluir, vai “martelar” algumas palavrinhas nela que vão naturalmente direcionar seus argumentos para esses aspectos.

Quer ver um exemplo?

Como direcionar a sua defesa para os aspectos temporais e espaciais?

como-fazer-uma-redacao-02

Você vai aprender como colocar o paraquedas quando o inimigo cercá-lo.

Vou exemplificar usando o tema: “Obesidade infantil: uma fatalidade ou um descuido?”

Com esse tema, vou formular três teses, uma sem a intenção de usar os aspectos estudados neste artigo e outras duas, usando.

Minha linha de defesa sobre esse tema será que a obesidade é um descuido e não uma fatalidade:

  1. Tese sem aspectos temporais e espaciais:

É possível afirmar que os causadores da obesidade infantil são o sedentarismo e a má alimentação.

  1. Tese usando o aspecto temporal:

É possível afirmar que hoje os causadores da obesidade infantil são o sedentarismo e a má alimentação.

  1. Tese usando o aspecto espacial:

Com base na observação dos costumes de certos países, é possível afirmar que os causadores da obesidade infantil são o sedentarismo e a má alimentação.

Você já percebeu o que eu fiz aqui, não é?

Na tese com o aspecto temporal, eu coloquei a palavrinha “hoje” e na tese com o aspecto espacial, coloquei a frase “com base na observação dos costumes de certos países”.

Farei algumas observações sobre esse procedimento:

Leia também:
Como Começar Uma Redação em Grande Estilo? Veja 22 Ótimas Maneiras (A Décima é a Minha Preferida)

A tese é o leme do seu texto; é ela quem vai conduzir o rumo da sua argumentação.

Ao inserir esses termos, estou direcionando o texto para os aspectos que quero usar para desenvolver os meus argumentos.

Para fazer isso, você não precisa usar essas mesmas palavras; basta recorrer a alguma que desempenhe essas mesmas funções.

Outra observação é que, se o tema da redação já restringir um lugar, como, por exemplo, o do ENEM de 2015: “A persistência da violência contra a mulher na sociedade brasileira”, no aspecto espacial, você só poderá trabalhar regiões dentro do território brasileiro.

Não observar isso fará com que você “fuja” do tema. Por outro lado, se ele não determinar um lugar, você estará livre para usar outras nações, se quiser.

Vamos ver como acionar o paraquedas quando você saltar do despenhadeiro?

Como usar os aspectos temporais

como-fazer-uma-redacao-03

Creio que ficou claro que é na sua tese que você vai dizer para o seu leitor qual é a linha argumentativa que você vai seguir.

Veja como ficou a introdução completa da minha redação recorrendo ao tempo para exibir a minha linha de defesa:

A quantidade de crianças acima do peso vem crescendo a cada ano. Muito já se cogitou se as causas dessa enfermidade estão relacionadas a fatores genéticos ou a hábitos adquiridos. Apesar da polêmica, os casos de obesidade relacionados a desequilíbrios hormonais são baixos e, mesmo nessas situações, a queima calórica não deixa o problema culminar em um ganho de peso expressivo. Por essa razão, é possível afirmar que hoje os causadores da obesidade infantil são o sedentarismo e a má alimentação.

Para essa introdução, farei um parêntese para esclarecer que, como se trata de um assunto com certa dose de polêmica, precisei refutar um contra-argumento, já na introdução, para abrir passagem para a minha tese.

Ou seja, para argumentar que a obesidade é um descuido, precisei primeiramente contra-argumentar que ela não é uma fatalidade.

Fique atento para essas questões, caso você depare-se com um tema polêmico no meio do caminho.

→Não sabe como contra-argumentar? Leia este artigo aqui e veja o passo a passo.

Voltando ao nosso assunto, para desenvolver cada um dos argumentos por tempo, você vai fazer uma comparação analisando como era no passado e com é no presente.

É claro que as duas épocas precisam ser distintas para que realmente exista a diferença que você quer defender.

Se for uma dissertação expositiva, essa técnica, em geral, objetiva a compreender o presente para mostrar a evolução ou o retrocesso de algum conceito.

Mas exemplificarei com uma dissertação argumentativa, na qual esse recurso serve para validar o seu argumento e dar consistência a sua argumentação.

Desenvolvimento por tempo

como-fazer-uma-redacao-04

Como ficaram manifestos na minha tese, os meus argumentos para o tema são:

A obesidade infantil é causada pelo sedentarismo e pela má alimentação.

FIQUE ATUALIZADO!
Coloque seu e-mail abaixo para receber gratuitamente nossas atualizações
 

Vamos ver como ficou o desenvolvimento usando o aspecto temporal:

Há cerca de 40 anos, o número de crianças acima do peso era praticamente zero, pois os brinquedos e brincadeiras eram diferentes dos da atualidade. Como não havia jogos virtuais, as crianças brincavam fisicamente e fora de seus lares. Além disso, as famílias tinham o hábito de andar mais a pé, pois nem todas possuíam veículos, uma vez que não só o valor deles era muito mais elevado quando comparado aos preços de hoje como também o salário mínimo tinha um poder de compra muito menor.

No tocante à alimentação, hoje as crianças são acostumadas desde cedo a produtos industrializados que, quase na totalidade, são pobres em nutrientes e ricos em calorias. Isso dificilmente acontecia no passado; primeiro porque a indústria alimentícia não produzia tantas opções de produtos e marcas como os que a competição levou-as a fabricar hoje; depois, porque os alimentos eram mais consumidos in natura, porquanto as mães normalmente não trabalhavam e tinham tempo para prepará-los.

Recursos para o aspecto temporal

como-fazer-uma-redacao-05

Como você pode perceber, eu desenvolvi o argumento “sedentarismo” no primeiro parágrafo e “má alimentação” no segundo.

Leia também:
Como Desenvolver Uma Redação Dissertativa Argumentativa de Forma Brilhante com Causa e Consequência

Para isso, escolhi um momento do passado e o comparei com a atualidade, sempre tentando provar o meu ponto de vista.

Quero chamar-lhe a atenção para alguns recursos a que recorri para dar embasamento as minhas afirmações:

Uso de exemplos:

  • Para provar que as brincadeiras do passado eram fisicamente e fora dos lares eu citei a inexistência dos jogos virtuais
  • Para provar que as crianças andavam mais, eu citei que os carros eram mais caros e o salário mínimo, mais baixo
  • Para provar que as crianças comem mais alimentos industrializados, eu citei que as mães trabalham

Apelo ao conhecimento universal:

  • Todos sabem que os produtos industrializados não fazem bem à saúde
  • Todos sabem que a indústria alimentícia cresceu e desenvolveu-se
  • Todos sabem que as mães trabalham fora hoje em dia

Uso de implícitos:

  • Ao citar os jogos virtuais, ficou implícito que eles prendem as crianças em casa e não as deixam praticar brincadeiras físicas
  • Ao citar que as famílias andavam mais à pé, ficou implícito que o hábito contribui para a saúde
  • Ao citar que a indústria não produzia tantas opções de produtos e marcas, ficou implícito que essa facilidade contribuiu para os pais substituírem as refeições saudáveis por industrializadas

Essas são algumas estratégias argumentativas que utilizei. É claro que você não precisa usar as mesmas, mas qualquer uma que fortaleça os seus argumentos e não os deixe apenas na esfera do achismo.

Como usar os aspectos espaciais

como-fazer-uma-redacao-06

Veja a introdução completa da minha redação, que recorre ao espaço para determinar a minha linha de defesa:

A quantidade de crianças acima do peso vem crescendo a cada ano. Muito já se cogitou se as causas dessa enfermidade estão relacionadas a fatores genéticos ou a hábitos adquiridos. Apesar da polêmica, os casos de obesidade relacionados a desequilíbrios hormonais são baixos e, mesmo nessas situações, a queima calórica não deixa o problema culminar em um ganho de peso expressivo. Por essa razão, com base na observação dos costumes de certos países, é possível afirmar que os causadores da obesidade infantil são o sedentarismo e a má alimentação.

Para desenvolver cada um dos argumentos por espaço, você vai fazer uma comparação analisando como é em um local e como é em outro.

Evidentemente você precisa escolher lugares em que realmente haja a diferença que pretende argumentar.

Como nos aspectos temporais, esse confronto serve para dar validade aos seus argumentos.

Vamos ver, na prática, como ficou o desenvolvimento com essa técnica?

No Japão, onde o índice de obesidade infantil é o menor do mundo, as atividades físicas são estimuladas desde cedo. O hábito de andar de bicicleta, por exemplo, é culturalmente bem difundido entre as gerações; tanto que a Terra do Sol Nascente está entre os três países que possuem o maior numero do veículo. Como alguns fatores relacionados à criminalidade e a educação no trânsito são favoráveis, lá as crianças costumam ir à escola andando sozinhas, independentemente de ser um dia frio ou de os pais possuírem condições de levá-las.

Já nos Estados Unidos, por exemplo, que carrega o estigma de ter o maior índice de crianças obesas e onde uma em cada três tem sobrepeso, as coisas são bem diferentes. Os jovens americanos, além de não serem estimulados à prática de atividades físicas, possuem péssimos hábitos alimentares, como o consumo de alimentos altamente calóricos. Pesquisas revelam que um terço das crianças e adolescentes ingere os chamados fast food todos os dias e que esse consumo aumenta com o passar dos anos.

Recursos para o aspecto espacial

como-fazer-uma-redacao-07

Como no modelo anterior, eu desenvolvi o argumento “sedentarismo” no primeiro parágrafo e “má alimentação” no segundo.

Leia também:
Proposta de Intervenção do ENEM: Tudo o Que Você Precisa Saber para Criar Uma Original e Garantir a Nota Máxima na Competência 5

Usei dois países absolutamente opostos quanto ao índice de obesidade infantil para comprovar o meu ponto de vista.

Veja alguns recursos que usei para alicerçar os meus argumentos:

Uso de dados:

  • Citei a posição no ranking de obesidade infantil dos dois países para justificar a escolha deles como exemplo
  • Citei a posição do Japão no ranking dos países que mais têm bicicletas para provar que existe o hábito de andar de bicicleta lá
  • Citei que uma em cada três crianças americanas tem sobrepeso para dar ênfase à marca dos EUA de maior índice de obesidade infantil
  • Citei que um terço das crianças americanas ingere fast food todos os dias para provar que eles têm péssimos hábitos alimentares

Uso de exemplos:

  • Citei o hábito de andar de bicicleta e o de caminhar até a escola para provar que as atividades físicas no Japão são estimuladas desde cedo

Apelo ao conhecimento universal:

  • Todos sabem que atividades físicas combate o sedentarismo
  • Todos sabem que ingerir fast food provoca aumento de peso

Essas são as estratégias que usei. As suas não necessariamente precisam ser as mesmas, assim como as nações usadas como exemplo.

Considerações finais (como fazer uma redação usando tempo e espaço)

como-fazer-uma-redacao-08

Nós vimos neste artigo que, com um pouco de conhecimento histórico e geográfico, você pode fazer um texto dissertativo extraordinário.

Vimos também que essa pode ser uma saída para aqueles momentos em que você não tem muitas informações sobre o tema ou ideias de como argumentar.

Acredito que agora você tem plenas condições de pular do despenhadeiro e deixar os seus inimigos “chupando o dedo”.

O paraquedas e o conhecimento já estão com você, é só saltar!

→Caso você queira mais conhecimento para não ficar só nos rudimentos da redação, leia este artigo aqui e aprimore-se ainda mais!

Uma última coisa:

  • Se gostou desse artigo, compartilhe com seus amigos nas redes sociais!
  • Se ficou com alguma dúvida ou deseja mandar uma mensagem, deixe aqui nos comentários!

Espero que este post sobre como fazer uma redação usando tempo e espaço de forma efetiva tenha lhe ajudado a ampliar seus horizontes.

Um grande abraço… Até!

Você Também Vai Gostar:
Ebook Propostas de Intervenção Originais

Sobre o autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe com seus amigos!

Próximo